Bacalhau à Gomes de Sá

Bacalhau à Gomes de Sá

A história do Bacalhau à Gomes de Sá

Esta receita foi criada pelo Sr. José Luís Gomes de Sá, um conhecido importador de bacalhau portuense, reza a história que ao dar esta receita ao seu amigo João (do restaurante “Lisbonense” no Porto) recomendou que não alterasse nada pois a receita não iria funcionar da mesma forma. Tornou-se num dos pratos mais conhecidos do nosso país e apesar de surgirem novas versões não se comparam ao original.

(Fonte: Volúpia, a nona arte, A Gastronomia; de: Albino Forjaz de Sampaio)

Esta receita foi elaborada com base na receita original do Sr. Gomes de Sá

(receita de Bacalhau à Gomes de Sá para 2 pessoas)

Ingredientes para esta receita:

– 300gr de bacalhau, demolhado;
– Água a ferver, q.b.;
– 500ml de leite;
– 1 cebola pequena;
– 1 folha de louro;
– 1 dente de alho, esmagado;
– Pimenta preta em grão, a gosto;
– Azeite;
– 3 cebolas grandes, cortadas em meias luas grossas;
– 2 dentes de alho picado;
– Sal;
– 300gr de batata cozida, cortada em rodelas grossas;
– 2 ovos cozidos, cortados em rodelas;
– 1 raminho de salsa, picada;
– Azeitonas pretas, a gosto (opcional)

Bacalhau à Gomes de Sá
Bacalhau à Gomes de Sá

Como preparar:

Coloca o bacalhau num tacho, cobre com água a ferver, tapa, abafa-o o mais possível (com uma toalha de cozinha ou um pequeno cobertor) e deixa ficar assim cerca de 20 minutos.

Depois retira a pele e espinhas, desfia em lascas e deposita num recipiente fundo.

Num tacho coloca o leite, a cebola, o louro, o alho, a pimenta, uma pitada de sal e leva ao lume até ferver. Côa, cobre as lascas de bacalhau, tapa e deixa nesta infusão por 30 minutos.

Entretanto numa frigideira coloca um fio generoso de azeite, adiciona o alho picado, a cebola, umas pedrinhas de sal e deixa estufar, em lume brando, até que a cebola fique tenra e transparente.

Num tabuleiro, que possa ir ao forno, dispõe por camadas, uma dose de cebola, a batata cozida, outra dose de cebola, as lascas de bacalhau escorridas, a última dose de cebola e leva ao forno a 200ºC por 15 minutos até dourar.

Polvilha com salsa picada, enfeita com ovo cozido, azeitona e serve o bacalhau à Gomes de Sá enquanto está quentinho.

Bacalhau à Gomes de Sá
Bacalhau à Gomes de Sá
Bacalhau à Gomes de Sá

Bacalhau à Gomes de Sá

“O bacalhau à Gomes de Sá deve servir-se bem quente” pois assim diz a receita do Sr. Gomes de Sá.

Outras sugestões:

Bacalhau no forno com broa;
Tarte de bacalhau com natas;
Bacalhau com natas.

Visita o nosso fórum para partilhar ou esclarecer dúvidas e se gostas da Cozinha da Xana visita a nossa página no Facebook e faz um gosto pois juntos fazemos a diferença!

Porque nunca é tarde para aprender, basta querer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *