Arquivo da Categoria: Culinária

Massada de peixe

Massada de peixe à marinheiro

Esta receita, assim como quase tudo o que sei sobre peixe, aprendi com um velho lobo-do-mar. Era assim que lhe chamava e era assim que gostava de ser chamado.

Horas perdidas entre histórias enquanto remendava a sua rede ou preparava o isco (sardinhas salgadas).

Foi ele que me ensinou a cozer polvo, a amanhar e a escolher o melhor peixe, só o de olho brilhante segundo ele

Bom tempo, o da inocência…

(Receita de massa de peixe para 4 pessoas)

Ingredientes para esta receita:

– 1kg de peixe em postas (corvina, cherne, badejo, nero…);
– 2 cebolas;
– 2 dentes de alho;
– 1 folha de louro;
– 4 tomates maduros;
– Azeite, sal, pimenta e hortelã a gosto;
– 1l de caldo de peixe;
– 500gr cotovelinhos;
– 1 colher de sopa de pimentão-doce.

Massada de peixeMassada de peixe à marinheiro

Como preparar:

Numa panela ao lume coloca o azeite, os dentes de alhos esmagados, o louro e as cebolas picadas. Deixa refogar um pouco.

Continuar a lerMassada de peixe à marinheiro

Migas com entrecosto

Migas com entrecosto (Alentejo)

(Migas com entrecosto para 4 pessoas)

Esta receita requer uma preparação prévia. Deve-se temperar a carne para que esta obtenha o sabor dos temperos e fique mais tenra. Se for para o almoço deixa a carne temperada de véspera, se for para o jantar deixe-a desde o almoço.

Ingredientes para esta receita:

– 700gr de entrecosto com alguma gordura;
– 2 cebolas;
– 4 dentes de alho picado;
– 1 folha de louro;
– 5dl de vinho tinto;
– 2 colheres de chá de pimentão, (colorau);
– 100gr de banha de porco;
– Azeite q.b.;
– Sal e pimenta a gosto;
– Sumo de meio limão;
– 1 pimento (se possível metade vermelho outra metade verde) ;
– 50gr de toucinho fumado, (presunto também serve);
– 50gr de toucinho gordo;
– 50gr de chouriço;
– Um pouco de salsa picada;
– Bocados de pão equivalentes a 5 carcaças.

Migas com entrecostoMigas com entrecosto

Como preparar:

Parte o entrecosto em bocados médios (podes pedir que o façam no teu talho habitual para que depois não tenhas esse trabalho em casa) e coloca-os em camadas alternadas com alho, louro, sal e vinho tinto. Preferencialmente dentro de um alguidar de barro, não perguntes porquê pois não sei explicar mas que a carne fica melhor, fica…

Depois da marinada coloca numa sertã um pouco de banha e azeite, nesta gordura frita a carne juntando um pouco de colorau, sal e pimenta moída para apurar mais o sabor.

Continuar a lerMigas com entrecosto (Alentejo)

Legumes congelação e acondicionamento

Os Legumes – Congelação e Acondicionamento

Os legumes, quer sejam crus ou cozinhados, há muito que fazem parte do nosso currículo culinário.

É possível conservar diversos legumes no frigorífico, por um tempo limitado (entre 3 a 7 dias), pode-se fazer conservas em vinagre (o que não é para todos os gostos) ou então congela-se e ai podem aguentar estações inteiras.

Certos legumes reagem bem à congelação e há outros que nem se devem congelar de todo, uma vez que o seu sabor é alterado por completo. Por exemplo o feijão-verde, as nabiças, os agriões e as beringelas ficam horríveis quando congelados.

Os legumes antes de serem congelados devem de ser branqueados antes de serem acondicionados e armazenados, para que as suas propriedades se mantenham inalteradas.

O branqueamento é um processo fácil de executar e não tem nenhum segredo. Consiste em colocar os legumes em água a ferver (ATENÇÃO: não confundir com ferver os legumes em água quente), por um determinado período de tempo, depois passa-se por água fria de forma a criar um choque térmico e criar um escudo que conserva as suas propriedades…

Continuar a lerOs Legumes – Congelação e Acondicionamento

Pargo mulato no forno

Pargo mulato no forno

Hoje acordei com vontade de comer um peixinho, assim pensei, assim o fiz. Uma visita rápida a praça e fiquei em estado de choque…
O PEIXE ESTÁ MUITO CARO!!!

Mas com um pouco de imaginação e ginástica até se pode fazer umas refeições engraçadas com peixe. Optei por um pargo mulato…

Peixe é sempre uma opção saudável e se for assado ainda melhor!

Muitas pessoas desvalorizam este peixe pois tem uma pele preta, aspecto tosco e tendência a ganhar cheiro a fénico devido a sua alimentação.

Comprado na época certa (por esta altura andam bem gordos) e bem confeccionado, dá um prato digno de rei, já para não dizer que fica mais em conta que um pargo legítimo…

Assim que cheguei a casa fiz uma marinada para o meu pargo, com sal, louro, alho e sumo de limão.

Coloquei um raminho de salsa na barriga do pargo (podes usar funcho se tiveres, o sabor será muito melhor) e deixei-o assim nesta marinada até a hora do preparar.

Continuar a lerPargo mulato no forno

Almôndegas com molho de tomate

Almondegas com molho de tomate

Se há coisa que as crianças adoram é certamente carne picada. Estas almôndegas com molho de tomate para além de carne picada levam vegetais. Uma solução saudável e saborosa, uma boa ideia para casos perdidos! Experimenta e verás, ninguém vai dar por nada…

(Almondegas com molho de tomate para 4 pessoas)

Ingredientes para esta receita:

– 1 kg de carne picada (metade porco, metade vaca);
– 2 cebolas médias;
– 3 cenouras;
– 3 dentes de alho;
– 1 raminho de salsa;
– 1 ovo;
– 150gr de pão ralado;
– Sal, pimenta, nós moscada e cominhos;
– 4 tomates maduros;
– Azeite a gosto;
– 1 folha de louro.

Almôndegas com molho de tomateAlmôndegas com molho de tomate

Como fazer:

Picar bem a salsa (não deitar fora os talos pois vais usa-los mais tarde), dois dentes de alho, as cenouras e uma cebola.

Continuar a lerAlmondegas com molho de tomate