Azevias

Azevias

A origem destes fritos é interessante tendo em conta que a versão que hoje conhecemos não é a original. As azevias nasceram no mosteiro de Santa Clara, em Coimbra, e foram baptizadas com o nome de pastéis de santa clara (que ainda existem). As freiras de santa clara eram conhecidas por fazerem diversos tipos de massa fina estaladiça, como a massa filo que é utilizada nos famosos pastéis de Tentúgal.

Os pastéis de Santa Clara são feitos utilizando uma massa quebrada (mais tarde conhecida por massa tenra), recheada com uma mistura de doce de ovos com amêndoa, frita em azeite bem quente e no fim envolvida com açúcar e canela. Reza a historia que eram feitos no maior dos secretismos e só as freiras sabiam a receita original. Tornaram-se tão famosos que percorreram o país, chegando a outros mosteiros.

Como nem sempre a matéria-prima abundava, algures noutro mosteiro no Alentejo recriou-se o recheio com que mais havia à mão: Grão, batata-doce, abobora, chila e amêndoa, nascendo assim um pastel diferente. Como os pasteis originais eram de santa clara, havia que mudar o nome, assim nasceram as AZEVIAS!

Não há mesa de Natal que não tenha um prato com azevias, como a Cozinha da Xana não é excepção aqui fica para vocês:

(receita para aproximadamente 30 Azevias)

Ingredientes para esta receita:

Massa:
– 600gr farinha;
– 80gr de banha;
– 300ml de água;
– 1 cálice de aguardente;
– Sal;
– 20ml de azeite.

Recheio:
– 400gr de puré*;
– 4 gemas;
– 100ml de água;
– 200gr de açúcar amarelo;
– 100gr de miolo de amêndoa.

AzeviasAzevias

Como preparar:

*Puré:

Batata-doce:
Coze a batata-doce, depois de bem lavada, com a pele em água com sal. Depois de cozidas retira e deixa arrefecer. Descasca as batatas tirando apenas a pele fina, esmaga com um garfo até obtes um puré homogéneo.

Grão:
Demolha o grão durante 12 horas, depois descasca e coze em lume brando até ficar macio. Retira o grão para um pano, escorre e esmaga até obter um puré homogéneo.

A massa:

Amassa a farinha com a banha, água, sal e aguardente. Depois de bate muito bem esta massa junta o azeite, amassa novamente e deixa repousar até à hora de rechear os pastéis.

O recheio:

Leva um tacho ao lume com água e açúcar, assim que levantar fervura conta um minuto, retira do lume e reserva.

Quando a calda estiver morna acrescenta o puré, a amêndoa, as gemas e envolve tudo bem. Leva novamente ao lume até engrossar, retira para uma tigela e deixa arrefecer.

Montagem:

Para preparar as azevias, estende a massa até ficar com a espessura de uma moeda e corta em círculos grandes.

Coloca no meio de cada círculo uma colher de sopa de recheio.

Pincela metade do círculo com água e une as duas partes, selando muito bem com o auxílio de um cortador de massa ou um garfo.

Frita em óleo bem quente para que a massa empole, retira para um prato com papel absorvente, passa por açúcar e canela e já está.

As minhas ficaram assim, e as tuas?

Azevias Azevias
Azevias Azevias

Azevias

Dica: Achas que esta receita é muito trabalhosa e não tens tempo para estar no Natal com estas coisas?
Faz como eu e começa agora. Faz as azevias num dia que tenhas tempo, congela-as muito bem acomodadas e quando for o dia é só tirar uns minutos antes e fritar…

Outras sugestões:

Salada tricolor de arroz com atum;
Pudim de batata-doce sem ovos;
Malassadas de batata-doce.

No nosso fórum podes publicar receitas, esclarecer dúvidas e trocar ideias com todos os membros. Junta-te a nós e visita também a página do Facebook

Porque nunca é tarde para aprender, basta querer!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *